Ravensara Aromática

por Fábián László

Ravensara é um dos óleos anti-infecciosos mais eficazes na aromaterapia, especialmente quando o que se está tratando é um agente viral. Tem a vantagem de não apresentar a alta toxidade da tuia ou a ardência do orégano, sendo bem tolerada inclusive por crianças. Mas é bom saber que há óleos diferentes, das folhas e da madeira.  O óleo da madeira possui alto teor de anetol e é chamado comumente de Ravensara anisata. O óleo das folhas,ou Ravensara aromatica, é mais efetivo contra infecções. É um dos óleos mais eficientes para combater gripe, sendo que gripes mal curadas ou que não passam com apenas 2-3 dias de uso da Ravensara normalmente são solucionadas. Por isso têm sido um óleo indicado nos casos de H1N1 (gripe suína). 

Ravensara aromática possui indicações em:

Rinofaringite
Gripe ++++
Sinusite +
Bronquite
Coqueluche
Hepatites virais (tipo C)
Enterite viral, cólera
Herpes +
Zona ++++, zona oftálmica +++
Varicela, tifo exantemático
Mononucleose infecciosa ++++
Peste, problemas neuromusculares, insônia ++++
Fadiga muscular
Molusco contagioso

A variedade anista possui usos no tratamento de problemas menstruais, menopausa, cólicas menstruais, TPM, distúrbios digestivos para os quais a erva-doce serviria.

Forma de uso: Inalação 6-12 gotas 3x ao dia. Uso interno 3-5 gotas 3x ao dia. Uso local a 2-3%. Em gripes, o uso oral de 3-5 gotas combinado com 5 gotas de própolis em uma colher de sopa de mel apresenta resultados muito rápidos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s